PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contada

Já voltou? Deixe seu registro aqui para que possamos aprender com você. Obrigado.
Cuidado! Todas as mensagens deste tópico aparecem nos mecanismos de busca e são visíveis aos visitantes anônimos.
Aqui ficam nossas contribuições aos futuros aventureiros, para que eles possam viajar nossa viagem, sem sair de casa.
Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contada

Mensagempor Ulisses » 17 Dez 2015, 19:16

PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contada


Imagem



Não me lembro de ter prometido contar esse caso, mas o Linhares por vezes cobra essa postagem. :-k :-k :-k

Então vamos começar com a “biografia não autorizada”, com parcialidade, distorção de fatos e nenhum compromisso com a verdade. Caso alguém sinta que sua imagem foi exposta de maneira negativa nas linhas a seguir, abra o seu próprio tópico e tente se vingar. :o :o


Prólogo

Minha avó já dizia que cabeça vazia é oficina do diabo. A folga extra que consegui uns dias antes do Jalapão 2015 poderia ter sido usada pra descansar e fazer os últimos ajustes antes de me lançar [finalmente] pelas terras jalapeñas. Mas fizemos diferente. :-D :-D :-D

O Wagner, veterano do Jalapão, decidiu que daria uma volta pelas bandas da Serra da Confusões e da Serra das Capivaras (região dos municípios de Caracol e de São Raimundo Nonato, ambos no Piauí).

O Franz também iria e já combinava de tomar uma cerveja gelada por lá pra amenizar o calor piauiense. Fiquei sabendo do intento e não sei se me convidei ou se fui convidado a me retirar, mas o Franz acabou me chamando pra participar dessa prévia (em conversas por e-mail, eu acho). Então, antes de mais nada, a culpa é do Franz e do Wagner. :-k

Em certo ponto das tratativas o Franz percebeu que essa rufiada poderia comprometer os derradeiros arremates para o Jalapão e partiu direto para Formosa do Rio Preto. Falou-se na quebra da bomba de combustível da moto dele na saída de Fortaleza (ou algo parecido). Mas eu estou contando essa história e distorço os fatos como achar mais conveniente: O Franz sentiu a merda que iria dar e pulou fora! =; =; =;

Sobramos eu e o Wagner. Ele tinha o roteiro pronto: mapas, hotéis escolhidos, o quê visitar, pontos de abastecimento... Seria um passeio bem tranquilo e organizado, cerca de 2.300 km até chegarmos em FRP para a largada do Jalapão 2015.

Como parceiro é parceiro, fui dar uma conferida nas rotas. Entre os mapas tracksource, imagens de satélite e pesquisas no Google, arrisquei dar um palpite. E é como eu digo: quem não arrisca não faz merda.

Achei um caminho entre cânions de Bom Jesus-PI para Morro Cabeça no Tempo (sim, é o nome de uma cidade) que foi escolhido pelo Rally dos Sertões 2012 para ser a “Etapa Especial” daquele ano [https://goo.gl/2xeufu]. Não estava em nenhum mapa, ninguém tinha informações mais detalhadas. Porém, eram só 110 km, menos de 5% do total a ser percorrido (este é o meu percentual máximo de culpa). Não mudaria muita coisa e parecia ser bonito. :-! :-! :-!

E assim ficou: vamos conhecer essas paisagens cinematográficas. Entre promessas, desculpas e desistências, agora o time estava formado: Wagner (TÈ660), Ulisses (XT660R), Isaac (TÈ250), Gold (TÈ250) e Walton (TÈ250).

Primeiro Dia (30/06/2015)

Para variar, saímos cedo do Posto Flamingo. Alguns desocupados apareceram para testemunhar a largada: Alexandre, Wanzeller, Adv Costa e o André. Como diria o Isaac, se esqueci de alguém foi porque esqueci mesmo.

Até Santa Rita de Cássia-BA, foram 780 km em bom asfalto e sem muitas novidades. Almoço na hora certa lá em Roda Velha, nenhuma “quase pane seca”... O calor infernal na chegada de Barreiras era esperado (mas iria piorar!).

Fora isso, teve o tombo do Wagner na saída de Barreiras. Um protetor de mão e o pedal de freio avariados e consertados com com algumas ferramentas importadas e de precisão cirúrgica (padrão BMW): marreta, talhadeira e uma chave grifo de 36 polegadas toda enferrujada. O pedal de freio ficou uma belezura, parecia um S. O protetor de mão direito foi doado para a reciclagem. CXT também é sustentabilidade.

O Wagner diz que a queda foi culpa do Isaac. O Isaac fala que o Wagner caiu de maduro. Sendo imparcial, o asfalto realmente estava oleoso por causa dos grãos de soja que caíam de alguns caminhões e eram esmagados por outros. Pra falar a verdade: não vi o tombo, mas sei que a culpa foi do Isaac.

Já sobre a queda da GoPro do Wagner no final da tarde houve consenso: foi culpa da vibração da moto mesmo :? . Encontramos todos os pedaços, inclusive a bateria, e o Wagner aprendeu da melhor forma que uma 660 vibra mais que uma GS800. :x

Com pouco atraso, chegamos em Santa Rita às 17:30, onde o Walton nos aguardava na pousada errada. Ele não deve ter lido a primeira página. Após negociar bastante com o donos das pousadas foi tudo resolvido: o Walton ficou separado do resto do grupo.

Registro que o Walton havia fugido de casa uns dias antes e teria que voltar o quanto antes.

Janta, calor, algumas cervejas geladas e todos pro berço (cada um no seu). Amanhã tem mais!
Editado pela última vez por Ulisses em 16 Nov 2016, 20:08, em um total de 7 vezes.


Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014


Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Ulisses » 17 Dez 2015, 19:17

Segundo Dia (01/07/2015)

Nota: Se eu for revisar texto a postagem não sai. Então vai assim mesmo, meio OFFWORD.

Agora sim, hoje tem mais! A meta é rodar 400 km até São Raimundo Nonato, sendo apenas os 90 km finais com asfalto. O trecho off deve começar em instantes depois do tédio asfaltoso do dia anterior.

Era um dia de expectativas supérfluas. Apesar de certa pose de desbravadores, acho que todos queriam que os roteiros estivessem certos, que existissem postos de combustível e que estes fossem encontrados antes da luz da reserva acender. Um outro ponto interessante, talvez menos importante, era estar em algum local com almoço e preferencialmente próximo ao meio dia.

Em Santa Rita o mesmo Rio Preto que vem de Formosa do Rio Preto:

Imagem

Mais um dia não começa sem um bom café. E ainda cedo começamos os trabalhos na pousada da dona Maria. Uns com mais afinco que outros, é verdade, fomos forrando o bucho e ouvindo os causos da dona da pensão.

Ela contava das suas andanças pela região no tempo da mocidade e acompanhada de um grande amigO (é bom grifar para que as pessoas modernas entendam). Não entendi bem foram os propósitos das viagens da dona Maria, mas teve uma vez em que a estrada estava fechada com uma corrente e cadeado e a passagem era vigiada por alguém numa guarita improvisada. Também não sei os motivos da barreira, mas a dona Maria e seu amigo foram verbalmente proibidos de prosseguirem. Nisso o tal amigo saca um revólver e de boa distância abre o cadeado "na bala"! Antes que a gente pudesse avaliar o grau de fantasia na conversa, ela já emendou com outro feito: pararam numa fazenda e pediram ao caseiro que preparasse uma galinha para o casal de amigos matar a fome. Diante da negativa ao pedido deles, mesmo tendo dito que pagariam pela penosa, o tal amigo deu um novo tiro certeiro na cabeça da ave e o almoço estava pronto.

Pelo dito o cabra era "bem bom" de tiro mesmo! Porém, nos dois episódios relatados as gargalhadas (e sorrisos) da dona Maria eram fartos e faziam supor que o melhor mesmo aconteceu no meio do caminho. É, dona Maria... viajar é preciso.

Fomos pra saída da cidade, onde abastecemos às 8 horas, e seguimos por uma estrada larga meio de barro, meio de areia e poeira total. É a seca. Um bolsão de areia poeirosa (não era poaca) surgiu nos primeiro quilômetros. Passei e deixei uma cortina de fumaça para o segundo elemento: terreno comprado! Sem danos para a moto ou para o piloto, vamos deixar os nomes de lado, pois era a minha vez de ser o culpado pelo tombo.

Daí foi uma sequência de bolsões de fina poaca e muita poeira pela BA-351 até o povoado de Aroeiras, uma vila de Mansidão segundo o Google. De lá os caminhos foram se estreitando, porém a pilotagem era fácil. Não precisa nem falar que o calor foi de rachar o dia todo.

Quando os ponteiros atingiram a metade do caminho entre 9 e 10 horas, o Isaac percebeu que o pneu da sua moto estava furado. Por sorte foi num local com sombra. Notei que o Isaac sentia muitas saudades do Tulim.  Principalmente na hora de montar o pneu “a seco”. Umas borrifadas com spray lubrificante de correntes e "o trem escorregou liso". Não é que eu tenha boa memória, é graças aos registros do GPS que vejo agora que gastamos 45 minutos para concluir o reparo do pneu... Eita, cabras frouxos!

Imagem

Cruzamos a divisa BA/PI pouco depois das 11 horas e, pela pouco famosa PI-255, chegamos em Avelino Lopes-PI por volta do meio-dia: 150 km rodados. Abastecidas as motos, fomos abastecer os pilotos. Pense num PF bem servido! Comi menos da metade e já estava cheio. Estava sem graça, pois iria deixar sobrar comida. Mas ri ao ver que o Walton e o Isaac, que normalmente não deixam nem o prato, também desistiram de comer tudo.

Aproveitando a curiosidade do povo sobre nossa origem e destino, pois nessa altura o nosso semblante empoeirado começava atrair os olhares, perguntamos sobre o caminho a seguir pra ver se o GPS estava mentindo. Estava tudo certo. Sobre o piso, falaram que era uma piçarra. Nada de areia naquela tarde, se tivesse seria coisa pouca.

Pois bem, o GPS ainda não acumula informações sobre a consistência do terreno, mas tenho a impressão que já no perímetro urbano começamos ter contato mais continuo (e sem folga) com a areia. Depois que passamos por Morro Cabeça no Tempo voltamos a rodar quase 80 km em solo baiano novamente. Aumentou bastante a areia e certamente tem gente com muitos terrenos por lá.

Imagem

Geralmente andamos em baixa velocidade e rodamos separados pela distância de uma nuvem de poeira, mas de vez em quando o povo do CXT DF tem a mania de enrolar o cabo e só parar quando acha um boteco: em Caraíba (município de Pilão Arcado-BA) tinha um bar. Eu e o Wagner paramos, mas não bebemos. Eram 15 horas, era preciso reagrupar o povo e verificar se todos ainda estavam vivos.
Mais uma vez perguntamos sobre a areia: só piçarra, não tem areia. Piçarra deve ser sinônimo de areia, só pode.

Só a partir de Baluarte (município de Campo Alegre de Lourdes-BA) a consistência do terreno foi melhorando e chegamos em Angico dos Dias (mesmo município) quase sem o sol. Parei e tomei com o Isaac a terceira melhor cerveja de toda a viagem para tirar a poeira da goela. Ali é a divisa BA/PI, começaria a PI-144. Ainda sem o asfalto, mas a estrada dali para a frente seria larga e muito boa.

Chegamos em Caracol-PI anoitecidos: paramos eu, o Isaac e o Gold. O Walton havia ficado para trás e o Wagner, desaparecido na frente. Como nosso grupo é coeso, o Isaac partiu, eu acompanhei e o Gold ficou.

Até São Raimundo Nonato, foi asfalto e a pior parte ao mesmo tempo. Com as viseiras sujas tivemos que desviar de todo tipo de bicho: jumento, cavalo, gato, cachorro, galinha, tartaruga, tamanduá... Parecia estar cruzando um zoológico. Por sorte vimos todos os quadrúpedes e duas codornas numa Honda Biz, eu acho (a fome e o cansaço causam alucinações). Mas passei direto pelo posto onde deveria abastecer.

Chegamos ao hotel combinado e a única reserva confirmada era a da minha moto: luz acesa no painel. Uns 10 minutos depois apareceram o Gold e o Walton. O Wagner havia desaparecido. O Isaac se desesperou... de fome, é claro: foda-se o Wagner! Foram uns 30 minutos tensos, sem ter muito o que fazer, até ele aparecer: havia parado em Caracol para acertar com o guia o passeio na Serra das Confusões. O Tim estava fora de área e o Spot sem bateria desde Brasília.

Banho de 20 minutos e desisti de ficar limpo. Tirei mais um pouco da sujeira na toalha, jantamos e fim de expediente por hoje. A viagem começava a fluir melhor!

Percurso do dia no Wikiloc
Editado pela última vez por Ulisses em 16 Nov 2016, 20:27, em um total de 8 vezes.
Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014

Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Ulisses » 17 Dez 2015, 19:17

Terceiro Dia (02/07/2015)
Editado pela última vez por Ulisses em 17 Dez 2015, 19:26, em um total de 2 vezes.
Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014

Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Ulisses » 17 Dez 2015, 19:18

Quarto Dia (03/07/2015)
Editado pela última vez por Ulisses em 17 Dez 2015, 19:26, em um total de 1 vez.
Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014

Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Ulisses » 17 Dez 2015, 19:18

Quinto Dia (04/07/2015)
Editado pela última vez por Ulisses em 17 Dez 2015, 19:27, em um total de 2 vezes.
Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014

Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Ulisses » 17 Dez 2015, 19:19

Sexto Dia (05/07/2015)
Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014

Avatar do usuário

Linhares
Zelador
Zelador
Mensagens: 3733
Registrado em: 30 Out 2008, 14:34
Moto:: DL650 V-Strom
Estado: DF
País: Brasil
Localização: Guará
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Linhares » 17 Dez 2015, 19:56

Show! No aguardo dos próximos dias! =D>


Abraços, Linhares

Avatar do usuário

Linhares
Zelador
Zelador
Mensagens: 3733
Registrado em: 30 Out 2008, 14:34
Moto:: DL650 V-Strom
Estado: DF
País: Brasil
Localização: Guará
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Linhares » 17 Dez 2015, 21:18

Ulisses escreveu: Não estava em nenhum mapa

Agora está: Caminho do Cânion na Serra das Confusões. :cool:

Avatar do usuário

totó
Zelador
Zelador
Mensagens: 2957
Registrado em: 05 Dez 2003, 08:02
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: RS
País: Brasil
Localização: Westfália
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor totó » 18 Dez 2015, 07:40

opas, parece uma historia das boas. :-!
vamos esperar o que mais vem por aí.
:-D

Avatar do usuário

Samuel Singulano
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 523
Registrado em: 25 Nov 2014, 12:03
Moto:: XT660R
Estado: MG
País: Brasil
Localização: Coimbra
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Samuel Singulano » 18 Dez 2015, 10:53

Opa, começou bem =D>
Viaje por aí não para que o mundo possa te ver, mas para que você possa ver o Mundo!""

Imagem

Colabore com o clube!

Avatar do usuário

Zébuscapé
Mega-blaster Falador
Mega-blaster Falador
Mensagens: 4318
Registrado em: 09 Jan 2006, 04:18
Moto:: KTM 990 LC8
Estado: RS
País: Brasil
Localização: Porto Alegre
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Zébuscapé » 18 Dez 2015, 12:21

Agora que estava aquecendo... parou... \:D/ \:D/

Com muita cerveja e petiscos... to na espera...

Excelente texto e escrita Ulisses parabéns... tu da pra coisa... :roll:
FIZ 10 ANOS DE CLUBÃO :-D :-D
colaboradores.php" onclick="window.open(this.href);return false; COLABOREM
CG 125 1991, NX 150 1993, XLX 250 1990, XT600Z ténéré 1990, DL 650 Vstron 2009, XT 600 2002, XTZ 750 1997, XT660-2008 preta e a atual XT660R 2005 azul com mais jalapões que eu ...kkkk

Avatar do usuário

Macarini
Falador
Falador
Mensagens: 205
Registrado em: 27 Abr 2007, 13:19
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: GO
País: Brasil
Localização: Goiânia
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Macarini » 18 Dez 2015, 15:02

Muito bom !!! Cadê os próximos capítulos ????

Avatar do usuário

Radan
Zelador
Zelador
Mensagens: 1767
Registrado em: 20 Set 2005, 15:32
Moto:: Tiger 800
Estado: BA
País: Brasil
Localização: Salvador
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Radan » 18 Dez 2015, 18:16

Segundo dia não seria hj? :shock: :shock: :shock:
Era pra ter feito com vc´s, não deu, então vou fazer aqui curtindo o relato =D> =D> =D>
Abraço
O individualismo é espontâneo, a unidade exige maturidade e doação.

Avatar do usuário

Rafacampinas
Zelador
Zelador
Mensagens: 1306
Registrado em: 10 Dez 2007, 21:38
Moto:: F 800 GS
Estado: SP
País: Brasil
Localização: Betel/Paulínia
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Rafacampinas » 18 Dez 2015, 20:00

Esse não perco por nada {:) {:) {:) {:) {:) {:) {:) {:) :-!
Mendoza Maio de 2008.
Ushuaia/Santiago novembro de 2010.
Atacama e Machu Picchu, Setembro 2013.
Jalapão 2014, bão dimais.
Uruguai Abril 2015
Jalapão Junho 2016
Atacama Setembro de 2016

Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Ulisses » 19 Dez 2015, 00:03

:shock::shock::shock::shock:

O "amanhã tem mais" deu dupla interpretação :? Era "tem mais estrada" e não "tem mais postagem". :oops:

Estou procurando as fotos pra juntar no texto (e procurando lembrar o ocorrido há seis meses)... Por isso vai ser bem devagar
Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014

Avatar do usuário

kbludo
Moderador
Moderador
Mensagens: 4253
Registrado em: 29 Out 2010, 18:51
Moto:: XT660R
Estado: RJ
País: Brasil
Localização: Cabo Frio
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor kbludo » 22 Dez 2015, 11:28

Bacana o relato, =D> =D> =D> =D> !
{:)
Ande de moto e não de muletas!Seja prudente! Se o clube já te ajudou, ajude o clube; SEJA UM COLABORADOR :-! .

Avatar do usuário

Linhares
Zelador
Zelador
Mensagens: 3733
Registrado em: 30 Out 2008, 14:34
Moto:: DL650 V-Strom
Estado: DF
País: Brasil
Localização: Guará
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Linhares » 22 Dez 2015, 21:51

=D> =D> =D> =D>

O trecho "reserva confirmada" se refere à gasolina?


Abraços, Linhares

Avatar do usuário

Topic author
Ulisses
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 858
Registrado em: 25 Fev 2014, 16:34
Moto:: XT660Z Ténéré
Estado: DF
País: Brasil
Localização: DF
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Ulisses » 22 Dez 2015, 21:57

Linhares escreveu:=D> =D> =D> =D>

O trecho "reserva confirmada" se refere à gasolina?


É pra confundir mesmo (?) :| Reserva do hotel... reserva de gasolina... Rodei 250 km com a XT... uns 50 com a luz da reserva acesa :?
Imagem
2012 - 2013: XRE300 ano 2011
2013 - 2016: XT660 R ano 2008
2015 - 2016: F800 GS ano 2013
2016 - (atual): TÉNÉRÉ 660 ano 2014

Avatar do usuário

Linhares
Zelador
Zelador
Mensagens: 3733
Registrado em: 30 Out 2008, 14:34
Moto:: DL650 V-Strom
Estado: DF
País: Brasil
Localização: Guará
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Linhares » 23 Dez 2015, 13:16

Então o consumo foi normal. :-!


Abraços, Linhares

Avatar do usuário

Pt2TU
Mega-blaster Falador
Mega-blaster Falador
Mensagens: 5146
Registrado em: 24 Out 2004, 20:31
Moto:: DL650 V-Strom
Estado: DF
País: Brasil
Localização: Tagua-York
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Pt2TU » 27 Dez 2015, 22:32

#:-( #:-( Comecei a ler e .... :-x :-x :-x :-x

Baiano tem preguiça até de pensar!!! :x :x :x :x :x

:-! :-!

Meu nome é PRONTO!!!

Imagem

061 (9) 8403-2626 Vivo.
Grande Abraço!!

Avatar do usuário

Zébuscapé
Mega-blaster Falador
Mega-blaster Falador
Mensagens: 4318
Registrado em: 09 Jan 2006, 04:18
Moto:: KTM 990 LC8
Estado: RS
País: Brasil
Localização: Porto Alegre
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Zébuscapé » 28 Dez 2015, 13:10

e o animal aqui que não tinha visto a segunda parte... estava esperando na sequência e não olhava o iníco... #-o #-o ...

na espera da sequência... e novamente Ulisses, tu dá pra isto ai,...kkk tirando as brincadeiras excelentes textos... correm como cer veja gelada no final de um trecho ....
FIZ 10 ANOS DE CLUBÃO :-D :-D
colaboradores.php" onclick="window.open(this.href);return false; COLABOREM
CG 125 1991, NX 150 1993, XLX 250 1990, XT600Z ténéré 1990, DL 650 Vstron 2009, XT 600 2002, XTZ 750 1997, XT660-2008 preta e a atual XT660R 2005 azul com mais jalapões que eu ...kkkk

Avatar do usuário

Fredy gomez
Zelador
Zelador
Mensagens: 1035
Registrado em: 20 Jul 2011, 10:23
Moto:: KTM 950 LC8
Estado: RS
País: Brasil
Localização: PORTO ALEGRE
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Fredy gomez » 28 Dez 2015, 15:26

Excelente relato Ulisses =D> =D> =D> =D>

Aguardando as cenas dos próximos capítulos...

Abraço
Mantenha o equilíbrio, ande em duas rodas!

Avatar do usuário

Zébuscapé
Mega-blaster Falador
Mega-blaster Falador
Mensagens: 4318
Registrado em: 09 Jan 2006, 04:18
Moto:: KTM 990 LC8
Estado: RS
País: Brasil
Localização: Porto Alegre
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Zébuscapé » 02 Jan 2016, 22:24

cadê cadê
FIZ 10 ANOS DE CLUBÃO :-D :-D
colaboradores.php" onclick="window.open(this.href);return false; COLABOREM
CG 125 1991, NX 150 1993, XLX 250 1990, XT600Z ténéré 1990, DL 650 Vstron 2009, XT 600 2002, XTZ 750 1997, XT660-2008 preta e a atual XT660R 2005 azul com mais jalapões que eu ...kkkk

Avatar do usuário

Linhares
Zelador
Zelador
Mensagens: 3733
Registrado em: 30 Out 2008, 14:34
Moto:: DL650 V-Strom
Estado: DF
País: Brasil
Localização: Guará
Contato:
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor Linhares » 04 Jan 2016, 16:09

Zébuscapé escreveu:cadê cadê

X2!!!

IMG_0153.JPG
Saída do posto flamingo

Avatar do usuário

fabio apoio
Tia Faladeira
Tia Faladeira
Mensagens: 915
Registrado em: 12 Dez 2007, 20:42
Moto:: XT600E 4MW
Estado: SP
País: brasil
Localização: santo andre
Status: Offline

Re: PIAUÍ (Pré-Jalapão 2015) – A história que não foi contad

Mensagempor fabio apoio » 04 Jan 2016, 22:23

SO FALTOU O RESTO RSRSRSSR...
vamos fazer isso com o cebola kkkkkkkkk...quem topa???
http://www.youtube.com/watch?v=LG2-qzatPAU

cursos online da fgv gratis confiram!!!!!!
http://www.esags.edu.br/ocw/cursos.html

http://www.forumxt600.com.br/forum/view ... highlight=


Was This Topic Useful?

Voltar para “Em casa! (diários de bordo consolidados)”



Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes